Multiplicando resultados por meio do autoconhecimento e conhecimento do outro

 

Se uma pessoa tem autoconhecimento, ela irá melhorar significativamente seu comportamento e todos em volta se beneficiarão disso. Imagine agora como esses aprimoramentos se multiplicam quando equipes inteiras e organizações se interessam em investir em soft skills.

Quando as pessoas se entendem e gostam de si próprios e das pessoas com quem trabalham, o grupo todo fica mais atento, o que faz com que todos lidem melhor com situações de risco e consigam melhores resultados. É quando se pode ver:

  • Comunicações mais claras e respeitosas
  • Maior grau de esforço, motivação e envolvimento.
  • Custos reduzidos de conflitos interpessoais
  • Compromissos e relacionamentos mais fortes entre as pessoas
  • Uma cultura colaborativa mais aberta
  • Mais capacidade para se empenhar em diferentes e opostas tomadas de decisões
  • Maior compreensão, aceitação e apreciação de si mesmo e dos outros
  • Melhor autogestão e maior capacidade de recuperação diante de desafios
  • Maior autenticidade
  • Maior colaboração e habilidade na quebra de barreiras
  • Aumento da responsabilidade pessoal em produzir resultados nas relações

O ponto principal é ter consciência de si e do outro. Consciência vem antes de entendimento, e o que várias experiências demonstram, aumenta a aceitação e apreciação do outro. Com isso as equipes podem tomar melhores escolhas e decisões.

A metodologia do SDI leva uma mensagem poderosa sobre o potencial humano: todos tem a habilidade de acessar qualquer capacidade, desenvolvê-la e se tornar mais eficiente. Você não está limitado pelo que percebe hoje ser o seu potencial. Fazer isto trabalhar a favor é simples: Avalie, tome  forças emprestadas, comunique-se! Esses passos simples ajudam as pessoas a ampliar suas percepções no ambiente de trabalho.

Avalie a Situação: Precisamos saber, claramente, os resultados que esperamos alcançar, assim como os motivos e capacidades das pessoas com quem trabalhamos. Saber como estamos e quais os riscos de conflitos. Estar consciente de como nossa capacidade vai ser vista pelos outros e como eles vão reagir.

Tome Emprestada a Força correta: Precisamos usar a ferramenta certa para o trabalho. Dispor da capacidade certa pela razão correta. Precisamos ser transparentes sobre nossos motivos, por que isso permite dedicação completa e máximo esforço. Precisamos decidir quais resultados se quer alcançar primeiramente, e usar então a capacidade mais forte, para depois escolher a que irá produzir esses resultados. Isto significa que não vamos nos intimidar ou deixar de fazer algo somente porque não é a nossa melhor capacidade ou a mais confortável de lidar.

Comunique da maneira certa: significa que influenciamos nossa consciência sobre os outros e nossas decisões sobre quais forças usar e fazemos isto comunicando de um jeito que as outras pessoas possam entender. Para isto precisamos aprender os estilos de comunicação mais eficientes com diferentes tipos de pessoas. Cada pessoa tem motivos e valores que influenciam a maneira que vêem o mundo. Com essa consciência podemos traduzir o que é importante para nós com uma linguagem que os outros possam facilmente entender.

A metodologia do SDI ensina as pessoas como eleger uma capacidade, à luz de motivos, o que permite produzir melhores resultados para eles próprios, suas equipes e organizações. Escolher qual capacidade usar promove responsabilidade, porque as pessoas se sentem responsáveis quando escolhem livremente e tomam posse de suas escolhas, ações e resultados.